Entre no canal

O mal continua sua jornada de sombras no Além-Túmulo. Ele acedia principalmente aqueles espíritos que nada de bom fizeram no mundo, aliciando-os em corjas de espíritos sedentos de vingança contra aqueles outros que se propuseram a caminhar, firmes, nas trilhas abençoadas do Mestre Jesus.

            Infelizmente isso não é filme de ficção científica, embora a Ciência ainda demore a auscultar melhor o seu lado psicossomático. Digo psicossomático porque mesmo sendo espírito, esse, não deixa de ser matéria.

            Mas, vejamos mais uma citação da preleção do Ministro Flácus em que André Luiz narra no seu livro “Libertação”, no seu capítulo I, intitulado “Ouvindo Elucidações”, através da mediunidade bendita de Chico Xavier, quando participava atento a cada apontamento. Vejamos: “Incapacitados de prosseguir além do túmulo, a caminho do Céu que não souberam conquistar, os filhos do desespero organizam-se em vastas colônias de ódio e miséria moral, disputando, entre si, a dominação da Terra”. Muito se tem o falar aqui.

            Como sempre falo em minhas humildes colocações a respeito dos livros da série de André Luiz, muitas religiões estão preocupadas, tão somente, com a sua parte material em que o mundo reservará destino tenebroso a todo aquele representante religioso fiel ao comércio do dinheiro ilícito. Haveria a necessidade de tantas religiões se Deus pediu apenas que O amássemos acima dos precários rótulos religiosos e, amando-O amaríamos com mais apreço, sim, o nosso semelhante? Tanto Deus quanto Jesus, em nenhum momento, nos relatos bíblicos, nos pedem ou nos encaminham à uma religião para que as Suas vontades sejam satisfeitas. Já pensou nisso alguma vez, Leitor Amigo?

            E assim, necessitados da Luz Espiritual, de um suporte além da matéria física, muitos passam para o plano espiritual com a mesma carência afetiva religiosa que tiveram quando vivos na Terra, entranhando em levas e mais levas de espíritos com o mesmo ideal macabro daqueles que lhe impõe seguir-lhes os rastros.

            O quanto somos carentes do Auxílio do Alto, não que ele não nos chegue, mas porque ainda não conseguimos extrair dessa intervenção, todo alimento espiritual que precisamos para ascender planos melhores com consciência do que pensamos.

            E, mesmo sendo filhos do Altíssimo, nos desgraçamos em abismos de sombras escondendo nelas, toda a essência luminosa em que o Pai, um dia, nos criou, pervertendo-nos nos cipoais da loucura e da devassidão. Mentes interligadas no mal, procuram a todo custo dominar os rincões da Terra, onde a sua populaça ainda se encontra desguarnecida de todo vínculo espiritual. É fácil, portanto, a criação de grupos de criaturas que se propõe a espalhar o pavor diante das paixões alimentadas com extremada vontade em que as duas legiões de almas, encarnadas e desencarnadas, se alimentam reciprocamente.

            E no sentido amplo de ferir almas, obscurecer sentimentos e aniquilar esperanças, muitos espíritos residentes nas sombras olvidam que Deus cicatriza os vergastes do mal, ilumina sentimentos e fortalece a esperança de que com Ele e por Ele, mais diretamente ligados, estaremos salvaguardados das suas investidas, iluminando cada vez mais a nossa essência divina e imortal. Comigo Leitor Amigo?

22/04/2021

Aécio César Aécio Emmanuel César
Médium de psicografia desde 1990, tarefeiro espírita na cidade de Sete Lagoas/MG.
--- Publicidade ---

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Share via
Send this to a friend