Entre no canal

Quebra-cabeças…. Imaginemos a Terra como um enorme quebra-cabeça. Cada personalidade que nele habita é peça indispensável para o seu equilíbrio em sintonia com o Criador. Você se considera importante para o mundo o qual vive? Já pensou como administrar o seu tempo na melhoria do viver e conviver bem com o seu próximo? Já ouviu sua consciência hoje? Isso tudo irá interferir para que você tenha um ótimo dia.

            Somos peças importantes no cenário terreno. Todos os reinos se completam, um necessitando do outro para que o avanço evolutivo de cada um, possa ter o êxito desejado. Por isso, se um sair desse equilíbrio o caos se pronuncia claramente.

            Porém, em um mundo de provas e expiações, temos as diferenças enormes de sentimentos, não é mesmo? E, entre as sombras e a luz, estamos todos envolvidos no sentido de nos unirmos para que a Luz vença satisfatoriamente.

            Seguindo esse meu raciocínio, vamos ver o que Gúbio nos diz a respeito relatado por André Luiz no seu livro “Libertação”, no seu capítulo III, através da mediunidade de Chico Xavier. Vejamos: “Ternos e ríspidos laços de amor e ódio, simpatia e repulsão, acorrentam-nos reciprocamente”. Como podemos notar, tanto nós encarnados quanto os desencarnados sofrem com as vibrações pesadas ou leves irradiadas. A luta entre o bem e o mal é milenar. A História se nos relata mortes sanguinárias em posses violentas de terras e de consciências.

            A escravidão de almas é antiga. E creio que ela ainda exista hoje camuflada entre nós. Muito se tem esquecido de que temos de ser mais solidários uns com os outros, pois que, na verdade, estamos no mesmo barco das aflições. Não sabemos o dia de amanhã e esse amanhã poderá virar de ponta cabeça em nossas vidas.

            Mesmo reconhecendo que o bem sempre vence no final, não sabemos de quanto tempo seremos prisioneiros de nós mesmos ante nossos vícios. Prendemo-nos fácil nas teias dos instintos inferiores. Acostumamos mal nas sombras onde sempre estamos a tropeçar e a cair em velhos desequilíbrios.

            E nesse quebra-cabeça cósmico o transformamos num labirinto de dores e de incertezas. A verdade é que não estamos prontos no sentido de nos tornarmos bandeirantes no nosso próprio mundo íntimo. Muitas rachaduras marcam nosso coração com as nódoas de ódio e de opressão. Quando terminará isso tudo Caro Leitor? Não poderemos esperar o auxílio divino se sequer tiramos a visão do próprio umbigo.

            Difícil nos medicarmos se não desejamos tomar o remédio restaurador de forças físicas e espirituais. A Espiritualidade bem que tenta, mas nós não lhe damos ouvidos. E fazer o que? E até quando? Para amenizar um pouco essa tensão que nos asfixia o corpo e a alma, vejamos mais uma citação do Instrutor acima: “No romance evolutivo e redentor da Humanidade, cada espírito possui capítulo especial”.

            Como nos disse certa vez Chico Xavier nas suas palavras iluminadas de carinho “Isso também passa”. Tenho consciência que tudo na vida realmente passa pois são inúmeras fases na vida que completam nosso aprendizado. Temos que estar preparados para cada situação para que o choque entre vibrações diferentes das nossas, não nos cause novos transtornos.

            Creio que as peças desse quebra-cabeça cósmico que são todos nós, ainda se encontram distante uma das outras. O que é preciso é juntá-las fraternalmente e com essa junção, não as separemos com tanta facilidade. Comigo Leitor Amigo?

21/10/2021

Aécio César Aécio Emmanuel César
Médium de psicografia desde 1990, tarefeiro espírita na cidade de Sete Lagoas/MG.
--- Publicidade ---

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Share via
Send this to a friend