--- Publicidade ---

Vivemos na atualidade tempos de crise, e quando falamos dela logo imaginamos a crise financeira ou material, que realmente vem assolando vários Países de diferentes continentes. Mas hoje, eu gostaria de trabalhar com outra abordagem em relação à crise.

Iremos procurar na matéria de hoje falar um pouco sobre crise espiritual e moral, pela qual estamos passando em nosso dia a dia.

Vemos nações umas guerreando contra as outras; vemos um povo querendo ser mais do que o outro, sendo que nós fomos criados para um completar o outro, e não para subjugar outras nações ou etnias.

Nosso querido Emmanuel, benfeitor de Chico Xavier, deixou frase muito interessante quando ele nos afirma:

Crise nada mais é do que aferição de valores”

É na crise que nós somos medidos, e na crise poderemos mostrar quem realmente somos.

Platão, por exemplo, já nos dá uma outra visão de crise quando sentenciava:

Não espere por uma crise para descobrir o que é importante em sua vida”

São nesses momentos que devemos colocar em prática os ensinamentos de Nosso Mestre Jesus, com seu Evangelho Redivivo e Abençoado.

Há uma terceira frase do nosso querido Chico Xavier muito interessante a respeito desse contexto, quando nos assevera:

Se o momento é de crise, não te perturbes, segue… Serve e ora, esperando que suceda o melhor. Queixas, gritos e mágoas são golpes em ti mesmo. Silencia e abençoa, a verdade tem voz”

Nós vemos todos os dias pessoas e mais pessoas entrando nos mais difíceis processos de desajustes mentais por conta da situação econômica.

Realmente, devemos dar valor ao que temos; a Doutrina Espírita não faz apologia nem à pobreza nem à riqueza, mas o ser precisa descobrir os grandes tesouros da vida que o dinheiro não pode comprar.

Nosso Mestre Jesus nos deixou várias frases para pensarmos e repensarmos em torno da vida.

✉ Fique Atualizado!



Rádio On-line Vivência Espírita

--- Início da Publicidade --- --- Fim da Publicidade ---

E uma delas nos encanta: “Vigiai e orai para não cairdes em tentação”, convidando-nos a repensar em nosso querer, em nossas ambições, em nosso desejos e sonhos, pois sabemos que a vida mental nada mais é do que um campo de atração. Conforme o que pensamentos, vamos atraindo espíritos do mesmo teor vibratório.

Quando estudamos o Evangelho de Mateus, iremos notar nos versículos 17- 18:

Não penseis que vim destruir a lei ou os profetas; não vim para destruí-los, mas para dar-lhes cumprimento. Porque em verdade vos digo que o céu e a Terra não passarão, até que não se cumpra tudo quanto está na lei, até o último jota e o último ponto”

Os ensinamentos de Jesus são mais atuais do que nunca, e nessa passagem Ele vem mostrar para todos nós o real trabalho que veio desempenhar aqui.

Muitas vezes, nós imaginamos que o Mestre foi um mero iniciador do “Cristianismo”, através de seus ensinamentos; porém, Ele foi o maior médico que tivemos, cuidando em especial das doenças do espírito que trazemos conosco.

Jesus também foi o maior diplomata que o Mundo já teve, procurou sempre resolver as coisas através do diálogo, da conversa, ensinando-nos que o sábio não é quem responde mas quem ouve, pagando o mal com o bem, segundo palavras do próprio Jesus… e é esse Jesus que precisamos cultivar em nossos corações.

E nesses momentos de crise, quando cremos nos ensinamentos do Mestre, tudo fica mais fácil.

Pois no mesmo Evangelho de Mateus, capítulo XI, versículos 28-30, iremos encontrar esse convite sublime:

Vinde a mim, todos os que andam em sofrimento e vos achais carregados, e eu vos aliviarei. Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração, e achareis descanso para as vossas almas. Porque o meu jugo é suave e o meu fardo é leve”

Meditemos bem: Jesus nos deixa bem claro que iria ALIVIAR as aflições, e não curar nossas enfermidades.

Seus ensinamentos são dotados de amor, carinho e ternura. Eis o convite para o nosso dia a dia, deixando para traz a prepotência de imaginarmos que sabemos de tudo e que tudo que fazemos é correto.

Somos espíritos em evolução, e podemos hoje fazer o que nunca fizemos no ontem, devido à compreensão que estamos tendo das realidades material e espiritual.

Vamos repensar; vamos aproveitar as oportunidades para que não venhamos a nos comprometer ainda mais, seja na crise espiritual ou moral.

Que possamos ver no trabalho a oportunidade abençoada de crescimento e de modificação.

Que Deus Nosso Pai e Criador nos abençoe hoje e sempre.

André Luis Chiarini Villar

--- Publicidade ---

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Share via
Send this to a friend